4 dicas para montar uma estratégia de marketing digital

As redes sociais se tornaram obrigatórias como parte das campanhas eleitorais. Mas não basta ter uma fanpage. Os candidatos devem usar o marketing digital a seu favor e traçar uma forte estratégia para conseguir bons resultados. Pensando nisso, listamos 4 dicas para você montar a sua. Aplique-as para alcançar o sucesso neste ano de eleição!

Conheça muito bem o assunto

Marketing digital é o conjunto de ações voltadas para o meio digital, de forma a construir e/ou fortalecer a comunicação com o seu público-alvo, bem como gerenciar a sua relação com cada um deles. Traduzindo: é utilizar o mundo virtual a seu favor, ou de seus ideais de campanha.

Geralmente as ferramentas utilizadas são: website, mídias sociais, blogs, e-mail marketing, viral, SEO (Search Engine Optimization) e monitoramento. Vale lembrar que cada plano deve ser cuidadosamente desenhado para atingir as metas propostas. Nem sempre utilizar todos os canais é garantia de sucesso. O importante é analisar caso a caso.

Faça uma análise do seu universo

Eis um ponto muito importante para que sua estratégia tenha sucesso. Primeiramente, separe a sua pesquisa em três tópicos principais: público-alvo, concorrentes e apoiadores. Assim, será possível elaborar a sua comunicação, a fim de agregar valor e otimizar os resultados.

Algumas perguntas principais devem ser respondidas, como “Para quem as minhas propostas são mais importantes?”, “Quem pode estar interessado em receber os benefícios que meu mandato pode oferecer?”, “Qual é o perfil quem votaria em mim?”, “Que tipo de pessoa ele é?”, “Quais são seus hábitos e estilo de vida?” e “Onde está localizado o meu público-alvo?”.

Estabeleça metas e objetivos

Analise o seu plano de governo, o seu eleitorado e as ferramentas de comunicação disponíveis, e comece a traçar a sua trajetória para trazer à tona a justificativa para receber o voto (ou seja, estabelecer a confiança junto ao eleitor). Em um primeiro momento, é interessante um brainstorm completo, por isso chame a sua equipe para ajudar. Com calma, vá moldando e selecionando as melhores ideias.

Você possui uma meta estabelecida? Em caso negativo, o melhor é parar para elaborar uma com todo o cuidado. Porém, se você já definiu a sua, o momento é de fazer um planejamento.

Monte um plano de ação

Agora que já existe um caminho, é necessário desenhar as rotas. Afinal, como atingir tudo o que foi pesquisado e descrito até agora? Quais serão as táticas adotadas para a estratégia dar certo? Primeiramente, é necessário dividir em blocos principais, que podem ser: público-alvo ou plano de governo. Em seguida, é necessário priorizar. Qual deverá ser a ordem das táticas elencadas? E, por fim, é fundamental criar métricas para mensuração de resultados das ações, como o acompanhamento período de pesquisas de intenção de voto realizadas por diversas empresas.

É sempre importante lembrar que projetos são, por sua natureza, mutáveis e adaptáveis. Portanto, não vale se desesperar quando as coisas não acontecerem conforme o planejado. Lembre-se sempre de que as correções bem feitas farão com que sua estratégia adquira maior força.

O que achou das nossas dicas? Fique sempre atento ao nosso blog e não se esqueça de deixar as suas dúvidas abaixo!

Comentários

comentários