Como vender serviços pela internet usando táticas de marketing digital

É possível vender serviços pela internet? Existe alguma tática que podemos usar para vender mais? Escalar serviços é possível ou isso é só para a venda de produtos? A resposta para estas três perguntas é: sim, com certeza!

O motivo de tantas dúvidas sobre como vender serviços pela internet é porque os profissionais têm pouco conteúdo para recorrer, e a verdade é que diferente dos produtos, os serviços são mais difíceis no quesito entrega porque exigem bastante tempo do profissional.

Mas dá para vencer isso investindo nas estratégias certas. Não vou tratar de processos de escalabilidade diretamente, mas de táticas de marketing digital. São ideias básicas, porém muito eficientes para ajudar você a vender mais.

Este conteúdo vai ser muito útil se você for:

  • Empreendedor digital
  • Pequeno e médio empresário
  • Consultor de marketing digital;
  • Coach ou treinador;
  • Redator ou designer;
  • Assessor com alguma especialidade.
  • Profissional liberal de qualquer outro setor de atuação.

Aprenda agora como vender serviços pela internet, aumentar sua lucratividade e alavancar seu negócio no ambiente digital!

Tudo começa nele, o blog!

O blog se tornou um poderoso canal de vendas. Hoje todo negócio online pode contar com um blog para alavancar seu processo comercial. Não que outras formas não funcionem, mas as vantagens de usar o blog numa estratégia de marketing digital são simplesmente incríveis.

Usando uma simples analogia, o blog é, para o empresário, uma espécie de vendedor, ou melhor, como um time de vendas na internet. Dependendo do que você oferece, ele pode fazer todo, ou grande parte, do trabalho de atração, engajamento e conversão.

Imagine que você vá vender o seu serviço para um cliente, e você precisa convencê-lo de que o seu serviço tem a melhor qualidade e traz os melhores benefícios para ele. Em vez de marcar uma reunião demorada para fazer uma apresentação sobre sua empresa, você pode simplesmente direcionar conteúdos do seu blog para o cliente.

Como eu já expliquei aqui, a jornada do comprador pode ser personalizada a partir do conteúdo. Nesse contexto, o blog servirá como uma fonte de argumentação e persuasão para o seu consumidor, conduzindo ele até a compra.

Todas as etapas, desde a atração até a conversão em vendas podem passar pelo blog. Portanto, valorize a produção de conteúdo e use seu blog como centro de todo esse conteúdo. Você estará economizando muito dinheiro em, gerando valor enorme para seu público e se posicionando no mercado de forma única.

Conteúdo é essencial

Você já deve ter ouvido falar que na internet o conteúdo é rei. Sim, isso faz todo sentido, pois é o seu conteúdo que determina se o seu negócio será bem-sucedido ou não. Por isso tenha em mente que produzir conteúdo de valor é criar ativos de vendas a longo prazo.

Para entender melhor a importância do conteúdo…

  • Trabalha como ativo poderoso de deixar seu blog em primeiro lugar na acirrada briga pela encontrabilidade no Google;
  • Prepara o terreno para receber a chuva de tráfego que você deseja levar para o seu site;
  • Funciona como a ponta final, o lugar onde o lead passa antes de se tornar cliente, de fato;
  • Educa e conscientiza seu público sobre os benefícios do seu produto;
  • Posiciona bem o seu negócio na internet.

Joe Pulizzi, considerado um dos difusores do marketing de conteúdo diz que “a publicidade é um luxo, mas conteúdo é sobrevivência”. Seth Godin, um dos mais proeminentes pensadores de marketing da atualidade diz que “marketing de conteúdo é a última estratégia de marketing que sobrou”.

Empreendedores digitais americanos, como Neil Patel e Ryan Deiss devem muito do que construíram na internet a criação de conteúdo de valor para seus públicos. Os grandes blogs e portais do Brasil investem pesado em conteúdo.

Portanto, não caia no erro de seguir na contramão disso se quiser realmente dominar as técnicas de como vender serviços pela internet.

SEO – Search Engine Optimization

SEO, a otimização de sites para motores de busca é a técnica utilizada para deixar o seu conteúdo em primeiro lugar no Google, Bing e Yahoo. Isso significa que se você alinhar isso à sua produção, será capaz de não apenas fazer sua empresa ser encontrada, mas poderá fazer vendas orgânicas.

Você precisa ter um bom conhecimento de SEO para saber o que o seu público está procurando nas redes sociais para encontrar os seus serviços. Sem este conhecimento, de nada vai adiantar ter um bom conteúdo.

Explicando de forma simples, quando você encontrar as palavras-chave utilizadas pelo seu público, pode criar diversos artigos utilizando estes termos para deixar o seu blog em destaque para aqueles que estão procurando pelo assunto.

Criar conteúdo com base no SEO vai garantir tráfego orgânico, e no caso, desse tipo de tráfego, os resultados são alcançados ao longo do tempo, pois um conteúdo otimizado continua gerando resultados mesmo depois de ter sido publicado.

Publicidade online

Depois de preparar seu site, blog ou canal com conteúdo de qualidade, é hora de investir em publicidade online.

Segundo pesquisas da IAB (Interactive Advertising Bureau), a publicidade na internet movimenta hoje quase R$ 10 bilhões de reais por ano. Dados divulgados pela InfoSys mostram um aumento significativo em mídias sociais justificado devido à maior flexibilidade e custo.

Para se ter ideia, a previsão é que o mercado de publicidade online seja maior do que a da tevê ainda esse ano (2017) nos Estados Unidos. Aliás, é importante saber que quem assiste televisão geralmente está usando simultaneamente um dispositivo, como smartphone ou tablet.

Estudos divulgados pela ComScore mostram que a internet é a mídia favorita dos brasileiros, sendo que 40% das pessoas passam mais de duas horas por dia acessando sites, enquanto apenas 27% passam o mesmo tempo assistindo televisão.

É nesse contexto que o Facebook entra em cena. De acordo com a própria rede social, o Brasil é o segundo país em número de usuários ativos, ou seja, que acessam diariamente, e o terceiro em número de usuários cadastrados (76 milhões).

Facebook a seu serviço

Com milhões de usuários em todo o mundo o Facebook se tornou o local perfeito para pescar novos clientes.

Várias empresas já acordaram para o poder da rede. Isso significa que há uma crescente concorrência. Por isso que você não pode bobear ao criar um anúncio no Facebook Ads. Se os anúncios não forem perfeitos, você estará a alguns passos de perder dinheiro e falir sua estratégia de marketing digital.

A primeira etapa para criar um anúncio que converte, é transformar as visualizações em cliques, pois sem tráfego, sua taxa de conversão em leads e vendas tende a ser zero. Mas não se preocupe, porque eu tenho uma boa notícia para você…

Não é preciso muita coisa para conseguir o clique do usuário. Na realidade, basta ter uma boa imagem de anúncio e uma chamada para ação, e pronto, o clique está garantido.

A má notícia é que a “boa imagem” e a “boa chamada” nem sempre é tão simples assim de se conseguir. Na verdade, criar um anúncio perfeito para o Facebook Ads é algo que depende de muitas técnicas diferentes e, principalmente, muita experiência.

Crie landing pages que convertem

Certa vez li uma frase que achei muito interessante: “Landing page é a porta de entrada de qualquer negócio online”. Se nos atentarmos a função dessa ferramenta, veremos que essa afirmação está repleta de verdade. Afinal, é impossível tratar de conversão sem falar sobre landing page!

Minha definição preferida para landing page é: uma página projetada para converter um visitante em cliente. Isso significa que ela precisa se concentrar em apenas uma ou duas coisas. Caso contrário, sua mensagem pode desviar o foco e você acabará perdendo um cliente em potencial.

A página precisa ser persuasiva, com uma mensagem forte e poderosa, capaz convencer os visitantes a praticarem uma ação. Pode ser baixar um conteúdo, experimentar um produto ou comprar algo.

Landing pages são essenciais para garantir conversões. E como todos sabem, as conversões são a força vital para qualquer empresa, onde o objetivo final é para atrair novos negócios.

Faça a melhor escolha para gerir seu tráfego

Quando o assunto é gerar mais clientes para o seu negócio com compra de publicidade online, muitas pessoas se sentem perdidas e não sabem nem por onde começar. Por isso, contar com o auxílio de uma consultoria em compra de publicidade online pode ser determinante para alavancar de vez seu negócio online.

Mas, se você acha que esse tipo de serviço é só para quem tem muito dinheiro, está extremamente enganado! Devido a estratégias avançadas de marketing digital, hoje é possível recriar campanhas de sucesso nos mais diversos nichos de mercado.

Hoje existem técnicas para 3 tipos fundamentais de consultoria em compra de publicidade online:

  1. Campanha de anúncios para aquisição de novos clientes;
  2. Campanha de anúncios para fluxo de caixa rápido;
  3. Campanha de anúncio para venda de produtos e serviços de alto valor.

Não são poucos os que consideram difícil cuidar das próprias campanhas de publicidade. Isto acontece porque a área de publicidade online, assim como a vida, não é algo estável: é preciso ter jogo de cintura para lidar com os imprevistos e incertezas que surgem no caminho, o que não é simples para quem não tem conhecimento estratégico e técnico para planejar e controlar suas campanhas

Uma consultoria em compra de publicidade online é importante para esse tipo de pessoas porque ajuda na organização do orçamento, na hora de tomar decisões certas para aquisição de novos clientes e, principalmente, ajuda a fazer anúncios certeiros, ou seja, investir menos para vender mais. Essa é uma dica indispensável quando o assunto é como vender serviços pela internet.

Saiba mais sobre isso aqui!

Otimize o processo e descubra como vender serviços pela internet todos os dias

Agora que você definiu seu processo de vendas, já se especializou em tráfego ou contratou uma consultoria, é hora de turbinar sua estratégia e descobrir como vender serviços pela internet todos os dias.

Mais do que vender uma vez, é vender várias vezes, não é mesmo? E com base nessa ideia que eu explico o conceito de vendas múltiplas. Este conceito tem ajudado muitos dos alunos e clientes. Aliás, essa é uma das coisas que destrincho na Área de Membros Vip.

O processo é o seguinte:

#1. Defina um produto para pagar seu tráfego, a sua publicidade

#2. Defina qual o produto você pode oferecer após essa primeira compra

#3. Faça várias campanhas sequenciadas.

Não entendeu? Tudo bem, faço a questão de explicar.

Aqui na minha agência aplicamos uma estratégia que funciona da seguinte forma: dividimos o mês em quatro partes e fazemos campanhas específicas em cada fase, com objetivos diferentes. Por exemplo:

– Na primeira parte, cuidamos da atração, gerando tráfego para o site. A ideia aqui é começar a construir uma comunidade em torno da marca e prepará-la para comprar.

– Na segunda parte, nós vendemos um produto de baixo valor. Nessa fase, bem como na primeira, a compra de publicidade não para, é contínua e consistente. O objetivo é vender todos os dias e ter um faturamento que pelo menos permita pagar as contas.

– Na terceira etapa, nós definimos um produto que gere lucro para gente. Fazemos entre o dia 10 ao dia 20 do mês com o objetivo de gerar um bom faturamento focado em lucro.

– Na quarta e última parte, que fica entre o dia 30 e 10 do outro mês, nós vendemos um produto de ativação (um produto “meio termo”, nem tão caro, nem tão barato). Esse quarto produto ajuda no pagamento do próprio tráfego.

É assim que formamos um leque de vendas.

Eu explico isso com mais detalhes numa aula da Área de Membros VIP, por isso sugiro que você acesse a aprenda como aplicar isso em seu negócio.

Esses são baseados nos os 3 pilares das vendas online que te ajudam a aumentar o faturamento comprando publicidade online sem gastar milhares de reais:

1 – Atração

2 – Engajamento

3 – Venda propriamente dita

Há algum tempo, criar um processo de vendas efetivo, para vender todos os dias, era uma assustadora tarefa. Mas hoje, com o avanço da tecnologia e adoção dos meios digitais, a coisa é mais fácil, desde que você tenha um bom planejamento em mãos e a boa vontade de executar.

É claro que alguns produtos são mais fáceis de serem comercializados do que outros. Tudo depende do tipo de mercado, do perfil do público-alvo e de algumas outras variáveis. É bom você ter em mente isso antes de iniciar sua estratégia de vendas.

Mas, independente do que você escolher para vender, existem alguns aspectos básicos e fundamentais para que as coisas funcionem. Eles foram tratados aqui. Consulte-os sempre que quiser…

Agora, para fechar, faço um convite especial para você aperfeiçoar o que aprendeu aqui….

Tenha acesso a uma palestra 100% gratuita onde eu vou te ensinar “Como Estruturar uma Campanha de Publicidade Online do Zero e Atrair 1.000 Clientes”

 

Comentários

comentários