Se você não vende online como gostaria, você provavelmente está fazendo anúncios da forma errada e, consequentemente, está gastando seu dinheiro com públicos que dificilmente vão comprar de você.

Este artigo é ideal para quem é empresário, empreendedor digital, profissional de marketing, afiliado e para qualquer pessoa que precisa vender produtos na internet e evitar o erro citado acima. Essa é pessoa é você? Então siga em frente!

Neste artigo eu vou falar sobre como otimizar uma campanha no Facebook Ads para gerar mais resultados em conversão. O conteúdo é baseado numa aula gratuita que eu disponibilizei para minha audiência. Aliás, se você quiser ter acesso a ela, basta clicar aqui.

Agora, antes que você prossiga, quero te propor um desafio:

COLOQUE UMA META PARA ESTE ARTIGO.
meta

Se comprometa em aprender a analisar e escalar a campanha para que você consiga atingir seus objetivos de vendas com ela. Com essa meta em mente, você estará mais apto a conseguir vender mais ao término desta leitura. Ficou claro para você? Então vamos continuar.

Requisitos para gerar resultados com este artigo:

  • Saber fazer um anúncio (pelo menos configurar uma campanha).
  • Ter uma verba para teste (sugestão de valor 50 reais. Ou um pouco a mais, se preferir)
  • Ter bem definido o objetivo com a campanha (atração, geração de leads, vendas, etc).
  • Ter uma estrutura de venda (ter uma página de venda, ou de captura, no mínimo)
  • Se comprometer a analisar a campanha (não basta apenas lançar o anúncio e deixar).

Se você atende ou pretende atender a esses requisitos, você está pronto para começar agora!

Tudo o que você precisa para escalar suas campanhas de publicidade online
escalar-suas-campanhas-de-publicidade-online

Imagine se você tivesse em mãos dados sobre a faixa de idade das pessoas que mais clicam no seu anúncio. Imagine também se tivesse acesso ao sexo de quem mais clica e compra. Ou se soubesse qual a região do Brasil ou do mundo que seu produto mais vende. Como seria se você tivesse tudo isso em apenas um clique?

Pois bem, isso é possível e eu vou te mostrar como…

Na verdade, você só precisa de um processo de coleta de informações.

O que seria isso? E como conseguir essa bendita coisa?

No artigo anterior, eu dei uma pincelada em segmentação e expliquei como o Facebook ajuda a identificar um púbico para um anúncio. Ele oferece formas diferentes de segmentação dos seus anúncios e você deve aproveitar isso ao máximo na hora de fazer sua campanha.

Cabe a você saber identificar quem é verdadeiramente o target, ou seja, quem é o cliente-tipo dos seus produtos e serviços. Somente depois de saber isso, é que você consegue configurar bem suas campanhas de Facebook Ads para coincidirem com todos os dados que sabe sobre os potenciais consumidores.

Feita a segmentação, sua campanha será dirigida para aqueles que provavelmente estarão mais interessados no que você tem a oferecer, seja um produto ou serviço.

Só que para chegar a isso, é preciso testar (teste é um termo que não pode sair jamais do seu vocabulário). Esta é a primeira chave sobre como otimizar suas campanhas de anúncios. Sabe como você vai testar?

Usando os 50 reais para descobrir informações sobre o público.

Isso mesmo. Antes de usar sua verba específica para fazer a campanha, faça um anúncio para descobrir coisas sobre as pessoas. Isso é o que eu chamo de “anúncio mar azul”, onde você vai captar informações e dados sobre o comprador em meio a uma multidão que não vai comprar.

Explico isso com detalhes na aula, mas saiba que basicamente eu separo essa estratégia em 3 passos:

#1. Fazer

Já se começa executando…

Aqui você precisa começar, para posteriormente continuar a empreitada com as “ferramentas certas” em mãos. Vamos usar a analogia do pedreiro. Depois de ter medido e feito o alicerce, o que ele faz é colocar os primeiros tijolos para levantar a parede. Só após aplicar esses primeiros blocos, é que ele dá continuidade ao trabalho. Quer saber para quê exatamente servem esses primeiros tijolos? Para…

#2. Analisar

Tendo posto os primeiros tijolos, o pedreiro consegue saber se começou certo. Ele mede, apruma, nivela, enfim, confere com detalhes se está realmente no caminho. Se não estiver bem, ele corrige e refaz antes de prosseguir levantando a parede. Da mesma forma é com suas campanhas de publicidade online. Você deve começar a campanha e ver se realmente os “tijolos estão no lugar”. Aí você pode…

#3. “Subir a parede”

Sim, só suba a parede depois que os blocos estiverem todos alinhados. Ou seja, só continue a campanha quando os dados estiverem precisos e quando houver certeza de que o anúncio vai converter de alguma forma. Isso faz sentido para você? Para mim faz muito. Aliás, faz tanto sentido que eu não consigo me ver fazendo publicidade online de outra forma.

Pode parecer fácil agora que você já leu, mas isso é algo que pouca gente sabe e pratica. O que a maioria dos empreendedores e profissionais de marketing costumam é aplicar toda a verba destinada a anúncios logo de cara. De primeira, sem análise, sem anúncio de teste, sem coleta de informações. Então quebram a cara na maioria das vezes.

O que acontece depois você deve imaginar: eles desacreditam das vendas online, desacreditam do Facebook Ads, deixam de acreditar no poder das campanhas de anúncios online. Não seja mais um, evite isso hoje. Comece a pensar estrategicamente e adote o processo que estou te dando aqui.

Mas, antes de continuar, me deixe falar rapidamente mais uma vez sobre hipersegmentar:

Hipersegmentação é essencial para que tudo funcione

Eu já disse outras vezes que para conseguir o sucesso de seu negócio, é necessário que a segmentação do seu público seja muito bem pensada e selecionada. Assim, você não se comunica com as pessoas erradas e perde tempo e dinheiro com a campanha.

Costumo falar que esse é o método à prova de erros para investir em tráfego qualificado.

Segmentar significa conhecer seus consumidores e traçar estratégias de comunicação para satisfazer as necessidades deles. Segmentar errado é justamente fazer isso ao contrário. Anunciar para um perfil diferente do seu, não atender às suas necessidades, seus motivos de compra, os diferenciais que o atrai, entre outros. O ideal é entender quem é a sua persona e fale somente com ela.

Não utilizar o conceito da hipersegmentação é acabar atraindo pessoas que não são engajadas, não participam do nicho do seu produto. Gastando dinheiro e tempo desnecessários. E, como eu estou explicando aqui, a melhor forma de hipersegmentar, é começar não hipersegmentando.

Relaxa, não é contradição, e é até fácil de entender. Usando outras palavras, você faz um anúncio aberto para ver quem serão as pessoas que você vai atingir, para aí então fazer algo mais certeiro com os dados que a campanha apresentar. Vamos entender como ficam esses 3 passos na prática?

#1. Fazer – Melhor uma praia particular do que um grande oceano
praia-particular

Imagino que você já esteja mais lúcido sobre como aumentar os resultados em suas campanhas de publicidade online. Acho até que você esteja ansioso para colocar o que já aprendeu aqui em prática. Isso é muito bom, mas o artigo ainda não acabou. Na verdade, a parte boa acabou de começar.

Para que você compreenda o porquê você precisa coletar dados e informações antes de tudo, uso a analogia do oceano. Imagine um grande oceano à sua frente. Tudo o que você vê é um imenso azul que parece infinito.

Então, assim é a internet com as oportunidades. Uma imensidão a qual se você bobear, se perde. O grande erro de alguns empreendedores é querer aproveitar essa imensidão a todo custo.

A não ser que você tenha um cartão de crédito com limite infinito, você precisa hipersegmentar seus anúncios (si, mais uma vez batendo nessa tecla). Não é se fixando em todo o oceano que você vai conseguir gerar as vendas que você deseja. É numa parte do mar, um local menor para você se divertir, é na sua praia particular.

Entende agora por que eu chamo a primeira publicidade de “anúncio mar azul”? Porque nele você define uma segmentação mais ampla, não define um posicionamento porque está na verdade fazendo um teste.

No momento da aula que eu explico como eu faço isso, vou até a tela do meu computador e mostro como você pode começar a preparar esses anúncios primários. Até mostro como usar uma ferramenta em inglês através do Facebook aplicando termos de interesse separados em uma planilha. Você pode ver como é acessando a aula aqui.

#2. Analisar – A hora de aprumar os tijolos
analisar

Agora você tem em mãos os dados e informações do seu anúncio-teste. Seu trabalho agora é analisar quais foram os resultados mais satisfatórios, para aí sim, aplicar verba e criar novos anúncios para a campanha. Em resumo, você pode analisar:

  • Qual foi o posicionamento que teve menor CPC (Custo Por Clique)
  • Qual foi a região em que as pessoas mais interagiram com o anúncio
  • Qual foi a faixa de idade das pessoas que seu anúncio alcançou.
  • Qual foi o sexo dos usuários atingidos pela campanha.

Eu sempre aconselho que se espere cerca de 48 horas para retirar os dados da campanha. Após esse tempo, você deve entrar na campanha e clicar em detalhamento. Logo quando você clica nessa sessão, pode selecionar a opção idade, gênero e região. Daí você deve anotar tudo e analisar ponto a ponto onde sua campanha teve um melhor desempenho.

Tenho certeza absoluta que dificilmente você já tenha feito isso antes, não é verdade? Pois é, agora você sabe como fazer e está mais bem preparado para fazer de seu próximo anúncios uma campanha online de resultados.

#3. Subir a parede – Crie sua campanha de sucesso
subir-a-parede

Agora sim é hora de subir a parede…

Você precisa escolher os dados vencedores e fazer uma nova campanha com eles. Depois que você reuniu tudo o que precisava saber sobre o público ideal do seu anúncio, você trocou o “grande oceano” pela sua “praia particular”. É nesse pequeno paraíso que você terá o “controle” do que acontece e terá certeza que vai atingir as pessoas certas.

Um detalhe: crie a campanha igual a de teste, só que com a segmentação mais precisa na hora de selecionar o público que vai ler o anúncio. Com isso você refine o público com os dados do teste e direciona para a faixa de idade, sexo e região onde seu anúncio teve o melhor desempenho.

Simples assim!

Logo após esse terceiro passo, a probabilidade da sua campanha dar certo é gigantesca. Tudo vai mudar porque você coletou os dados certos antes de escalar seus anúncios e aplicar seu precioso dinheiro. Com esse simples processo, você evita gastar recursos e começa a investir grana no que realmente vai vender muito!

Agora segue um resumo em imagem sobre o que você aprendeu aqui:

aumentar-as-vendas

Qual o seu próximo passo para transformar sua publicidade em dinheiro na conta?

Você concorda que precisa dos dados certos para alcançar o sucesso com a publicidade online? Concorda que esse passo a passo é uma forma precisa de ter mais resultados? Claro que existem muitos outros planos de ações, mas esse é o que eu tenho usado constantemente e que tem me ajudado a gerar resultados com anúncios no Facebook Ads.

Minha sugestão é que você aplique essa metodologia hoje mesmo, testando o que te ensinei em seu negócio. Se você quiser obter detalhes, vou te dar o link da aula em que eu falo sobre isso. Trata-se de um material completo com conteúdo riquíssimo para te ajudar a transformar sua publicidade online em lucro crescente e escalável. Como eu sei que você quer isso imediatamente, segue o acesso…

Clique aqui, assista a aula completa gratuitamente e aprenda o passo a passo de como otimizar sua publicidade online para vender mais todos os dias.


João Paulo Pereira
João Paulo Pereira

Fundador da Agência Digital FliP, Co-Fundador da Go Up! Estratégias Digitais, Fundador do Treinamento Funil de Vendas Imparável, Consultor em Marketing Digital e Funil de Vendas! Simples e que acabou de cumprir a meta de mochilão pela Europa! :)